14°C 21°C
Barracão, PR
Publicidade

Veículos de imprensa e Jorginho Mello desmentem fake news da Globo e do governo federal sobre barreira às doações

Guerra de narrativas entre o governo, população gaúcha e influenciadores estão intensificadas

08/05/2024 às 14h00 Atualizada em 08/05/2024 às 14h06
Por: Redação Fonte: PANTV/Marcos Prudente
Compartilhe:
Veículos de imprensa e Jorginho Mello desmente fake news da Globo e do governo federal sobre barreira às doações/Foto: Reprodução Pessoal - X
Veículos de imprensa e Jorginho Mello desmente fake news da Globo e do governo federal sobre barreira às doações/Foto: Reprodução Pessoal - X

O Governador Jorginho Mello, de Santa Catarina, em vídeo postado na rede X, confirmou que caminhões com doações ao Rio Grande do Sul estavam sendo barrados por fiscalizações, que exigiam nota fiscal dos produtos, assim como foi multado por excesso de produtos.

Continua após a publicidade
Design de Marcos Prudente

No vídeo, Jorginho ainda faz um pedido a ANTT, que as multas aplicadas possam ser revistas. O governador gravou o vídeo ao lado do agente da Defesa Civil de Santa Catarina, que estava com a missão de conduzir o comboio até o estado gaúcho.

Continua após a publicidade
Design de Marcos Prudente

Pablo Marçal, influenciador digital e polêmico por suas falas na internet, também denunciou que caminhões com donativos levantados por sua influência foram barrados e multados por excesso de peso, também por falta de notas fiscais dos produtos de doação.

O caso ficou mais polêmico do que já estava, após Paulo Pimenta, secretário das comunicações do governo Lula, gravar vídeo acusando o povo de fake news, afirmando que o governo estava empenhado no resgate às vítimas da tragédia climática que atingiu o Rio Grande do Sul, assim como a republicação da Globo, afirmando que eram notícias falsas o que a população estava replicando nas redes sociais.

O governo Lula, através de Pimenta, pediu para Lewandowski, ministro da justiça, investigar os internautas, principalmente o deputado federal Eduardo Bolsonaro, o senador Cleitinho e o influenciador Pablo Marçal por notícias falsas. Através da pasta, um ofício foi enviado para a Polícia Federal, pedindo para que um inquérito seja aberto para apurar o caso.

Diante de tanta repercussão negativa, o governo via seus órgão competentes, passaram enviar notas informando que nunca barraram os donativos, tentando desmentir a população, porém sua narrativa só foi a frente, junto a meios de comunicações bancados com verbas públicas, más já está sendo posto a contra prova por matérias do SBT, pelo governador catarinense, assim como sites de notícias gerais, inclusive o Metrópolis.   

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Barracão, PR
17°
Tempo nublado

Mín. 14° Máx. 21°

17° Sensação
1.65km/h Vento
71% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
07h21 Nascer do sol
05h50 Pôr do sol
Qui 23° 14°
Sex 24° 15°
Sáb 25° 15°
Dom 20° 17°
Seg 19° 13°
Atualizado às 13h01
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,47 +0,56%
Euro
R$ 5,88 +0,63%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,65%
Bitcoin
R$ 376,742,02 +0,02%
Ibovespa
119,429,20 pts -0.17%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias