Sábado, 17 de novembro de 2018
(46) 984 000 614
Tecnologia

10/11/2018 ás 08h40

46

Daiane Lima

Bom Jesus do Sul / PR

Por que suas mensagens no WhatsApp poderão ser apagadas para sempre na 2ª feira
Quem usa telefone com sistema Android precisa fazer uma cópia de segurança dos seus arquivos, no próprio aparelho ou no Google Drive. Saiba como.
Por que suas mensagens no WhatsApp poderão ser apagadas para sempre na 2ª feira
— Foto: AFP

Você usa WhatsApp e tem o sistema operacional Android no seu celular? Então, é melhor fazer uma cópia de segurança das suas mensagens o quanto antes.


O Android é o sistema operacional da maior parte dos celulares Samsung, por exemplo.


A partir do dia 12 de novembro, todas as mensagens de WhatsApp que não estejam guardadas serão apagadas para quem não usa o sistema operacional da Apple, o iOS.


O anúncio se deve a um acordo feito entre o WhatsApp (que pertence ao Facebook) e o Google para permitir que todas as conversas, fotos e vídeos enviados pelo aplicativo possam ser armazenados no Google Drive, o serviço de hospedagem de arquivos do buscador, sem consumir espaço da conta do usuário.


A má notícia é que, se você não fez uma cópia de segurança das mensagens nos últimos 12 meses, o WhatsApp apagará todas as suas mensagens antigas, assim como todos os vídeos e fotos. Em muitos celulares, as mensagens são armazenadas de forma automática, periodicamente.


Em um comunicado na página do WhatsApp na internet, a empresa explicou que "para evitar a perda destes dados, recomendamos que se faça uma cópia de segurança dos seus dados no WhatsApp antes do dia 12 de novembro de 2018".


A mudança só afetará usuários de Android, pois o WhatsApp já tem acordo com a Apple para que os usuários de iPhone possam guardar seus dados na nuvem iCloud.


"Você pode guardar suas mensagens e arquivos multimídia no Google Drive e, caso mude para outro telefone Android, poderá recuperar os arquivos", disse o WhatsApp a respeito do acordo com o Google.


A empresa recomenda, ainda, que se conecte o telefone a uma rede Wi-Fi antes de fazer a cópia de segurança no Google Drive, uma vez que "o arquivo pode variar de tamanho e consumir uma grande quantidade de dados móveis, gerando cobranças por parte da operadora de telefonia".


Como criar uma cópia de segurança do Google Drive


1. Abra o WhatsApp


2. Clique em "Menu" (os três pontinhos acima das conversas); depois em "Configurações"; depois em "Conversas"; e depois em "Backup de conversas".


3. Clique em "Fazer Backup". Note que, logo abaixo, há uma série de opções a serem configuradas pelo usuário. Você pode decidir a periodicidade destes backups, e se quer incluir vídeos.


4. Na maioria dos casos, a sua conta do Google já aparecerá no campo "conta". Se você não tiver conta, ou se esta não aparecer, clique em "adicionar conta".


 


Sem encriptação


Poder guardar seus dados sem usar espaço do telefone é uma boa notícia, mas alguns analistas criticaram a solução oferecida pelo WhatsApp.


É que, enquanto as conversas do WhatsApp são protegidas por um sistema de criptografia de ponta a ponta, as cópias de segurança do Google Drive não são.


Isso não significa que a informação se tornará pública, mas a falta da criptografia ponta a ponta torna as mensagens guardadas na nuvem mais suscetíveis de serem roubadas por pessoas e softwares mal-intencionados.


A solução proposta pelo WhatsApp é redobrar os cuidados com sua senha do Google Drive.


É preciso considerar, porém, que desde 2015, ano em que surgiu a possibilidade de fazer backups de mensagens do WhatsApp no Google Drive, não houve nenhum incidente de roubo de mensagens, segundo a empresa.


 


 

FONTE: G1

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium