Sábado, 17 de novembro de 2018
(46) 984 000 614
Internacional

10/11/2018 ás 08h53

31

Daiane Lima

Bom Jesus do Sul / PR

Incêndio na Califórnia tira de casa famosos como Lady Gaga, Kim Kardashian e Guillermo del Toro
Outros famosos que deixaram a região são Roma Downey, Alyssa Milano, Rainn Wilson, Eddie McClintock e a musicista Melissa Etheridge. Charlie Sheen pediu ajuda no Twitter para localizar seus pais.
Incêndio na Califórnia tira de casa famosos como Lady Gaga, Kim Kardashian e Guillermo del Toro
Casa perto do Lago Malibu é destruídas pelas chamas — Foto: Ringo H.W. Chiu / AP Photo

O incêndio que afeta o condado californiano de Ventura, e que obrigou o esvaziamento de cidades como Malibu e Calabasas, onde moram várias estrelas de Hollywood, deixou na rua famosos como Lady Gaga, Kim Kardashian e Guillermo del Toro.


Todos eles postaram mensagens nas redes sociais nas quais compartilham sua experiência durante a evacuação, expressam sua solidariedade com os outros evacuados e mostram seu temor de que o fogo arrase seus lares e propriedades.


A cantora Lady Gaga compartilhou fotos no Instagram que a mostram deixando sua casa de Malibu, enquanto o diretor mexicano Guillermo del Toro publicou uma mensagem no Twitter agradecendo por estar vivo, mas lamentando a possível perda dos seus objetos de colecionador.


Kim Kardashian, que na última hora foi evacuada junto com seus três filhos devido à proximidade das chamas, também postou uma mensagem na sua conta do Instagram. "Rezemos por Calabasas. Acabo de voltar pra casa após um voo e só tive uma hora para pegar tudo e deixar a casa", escreveu a socialite americana.


Além disso, a revista "TMZ" publicou que a ex-medalhista olímpica e atual personalidade televisiva Caitlyn Jenner perdeu sua casa no incêndio.


Por sua vez, o ator Charlie Sheen pediu ajuda no Twitter para localizar seus pais, Janet e o também ator Martin Sheen.


Outros atores e atrizes que também tiveram que deixar suas casas são Roma Downey, Alyssa Milano, Rainn Wilson, Eddie McClintock e a musicista Melissa Etheridge.


O "Woolsey Fire", como foi denominado esse incêndio, queimou até agora 14.000 hectares e forçou a emissão de ordens de evacuação para 75.000 residências dos condados de Ventura e Los Angeles.


Por enquanto não há relatos de mortes causadas pelo "Woolsey Fire" nesses locais, mas houve fatalidades em outros incêndios ativos na Califórnia.


Além de Malibu e Calabasas, as chamas também atingiram a cidade de Thousand Oaks, onde na noite de quarta-feira aconteceu um tiroteio em um bar no qual morreram 13 pessoas.


Em paralelo ao "Woolsey", outro incêndio que, apesar de ter sido declarado há menos de 48 horas já é considerado um dos piores da história do estado, queima áreas do norte da Califórnia perto de Chico, a 280 km de San Francisco. Nove pessoas morreram e 150 mil foram evacuados.


O "Camp Fire", que avançou em grande velocidade graças ao ressecamento do terreno e aos fortes ventos, causou a morte de nove pessoas, enquanto outras 35 permanecem desaparecidas, engoliu milhares de edifícios na cidade de Paradise, de 26.000 habitantes, e queimou 36.420 hectares.


Administração de florestas


Em postagem no Twitter, o presidente americano, Donald Trump, criticou a administração das florestas do país.


"Não há razão para esse massivo, mortal e custoso incêndio, exceto o fato de administração florestal ser tão ruim. Bilhões de dólares são concedidos todos os anos, com tantas vidas perdidas, tudo por conta da má administração das florestas. Solução agora, ou sem pagamentos do Fed", escreveu.


 

FONTE: G1

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium